Resenha – Essa Terra – Antônio Torres

Olá pessoal, tudo bem com vocês? A resenha de hoje é sobre esse best-seller do autor baiano Antônio Torres. essa-terra-

ISBN: 978-85-7799-104-4  | Ano: 2013 | Editora: Best Bolso |Páginas: 154

Skoob: Adicione

Onde comprar: Saraiva Livraria Travessa 

Escrito em 1976, Essa Terra narra a história dos habitantes do Junco, pequeno distrito localizado no interior da Bahia, atual cidade de Sátiro Dias e o impacto causado pela cidade grande sobre o imigrante nordestino.

O livro revela as mazelas e desilusões de uma família que vê Nelo, o filho mais velho de doze irmãos migrar para São Paulo em busca de uma vida melhor, e nele é depositada toda a esperança. De lá, Nelo enviava dinheiro para a mãe e todos acreditavam que ele havia ficado rico, porém, com o passar do tempo não conseguiu enviar mais.

Na cidade grande, Nelo perdeu a mulher e os filhos para Zé do Pistom e, protagoniza um dos capítulos mais dramáticos do livro.
Vinte anos depois de ter saído do Junco, sozinho e sem dinheiro Nelo volta para a o sertão. Não resiste ao fracasso pessoal e acaba tirando a própria vida, e de certa forma dando fim ao sonho de todas aquelas pessoas que anseiam em um dia partir daquele lugar.

Totonhim, o irmão mais novo é quem narra a maior parte da história e mediante lembranças, e relatos iremos conhecer os habitantes do Junco e o sofrimento causado pela migração e suas consequências na vida do ser humano.

É possível afirmar que Essa Terra é uma obra de caráter autobiográfico, visto que, Antônio Torres viveu uma trajetória semelhante a do personagem Nelo, migrando para São Paulo aos vinte anos de idade.

Nesse livro, Antônio Torres aborda aspectos culturais, políticos, econômicos e sociais que nos remetem a história das pequenas cidades do sertão brasileiro, as quais são abandonadas pelos governantes sem nenhuma estrutura, sem apoio, sem esperança.

E diante de tanta escassez acompanhamos a triste situação do pai que pega dinheiro emprestado em uma instituição financeira e quando termina o prazo para pagar, este se ver obrigado a entregar a valor irrisório sua propriedade a qualquer um, para que não seja “tomada” pelo banco.

A obra Essa Terra está dividida em quatro partes: Essa Terra me chama, Essa Terra me enxota, Essa Terra me enlouquece e Essa Terra me ama.
Com uma linguagem simples, Antônio Torres cria um romance que irá tocar o leitor, ao abordar o drama do nordestino que precisa sair de sua terra em busca de condições de sobrevivência.

Eu me identifiquei muito com esse livro, pois também sou do interior da Bahia e me lembro de ter presenciado, mesmo que ainda muito pequena, meu pai ter que viajar para São Paulo de duas a três vezes ao ano para poder sustentar a família. Além disso, várias passagens do livro me traz a lembrança histórias que familiares e conhecidos relatam ter presenciado como o fato da iluminação pública que era desligada às vinte e duas horas, sobre o vendedor de remédios (não era farmacêutico) que dava diagnósticos e medicava a todos.

Eu indico esse livro a todos que apreciam a Literatura nacional e a quem se interessar em conhecer um pouco mais sobre a cultura nordestina.

Siga o blog nas redes sociais!

Facebook  ❤  Twitter ❤ Google+ ❤ Instagram ❤ Pinterest

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s