Resenha – O Alienista – Machado de Assis

Oi gente, tudo bem com vocês? Hoje, eu trago a resenha do conto  O Alienista, de Machado de Assis. Li este conto há algum tempo e decidi reler agora para fazer este post. Outra versão igualmente bela é a adaptação para HQ. Recomendo!

O Alienista - Machado de Assis

 

ISBN-10: 8508040830
Ano: 1996
Páginas: 80
Skoob: adicione
Editora: Ática
Comprar: Amazon

O Alienista é um conto escrito por Machado de Assis que traz a história do psiquiatra Simão Bacamarte. Este, após passar vários anos estudando na Europa, volta ao Brasil, especificamente, para a cidade de Itaguaí e lá resolve colocar em prática todo o seu estudo acerca da mente humana.

O Dr. Simão Bacamarte é um homem sério, que dedica todo o seu tempo em prol do estudo e da pesquisa. Contudo, decide se casar com D. Evarista da Costa, mulher desprovida de beleza, mas que segundo a análise do Dr. Bacamarte, seria capaz de gerar filhos robustos e inteligentes. No entanto, não tiveram nenhum.

Com a ajuda do governo de Itaguaí, Simão Bacamarte constrói A Casa Verde, um manicômio destinado a internação de todos aqueles diagnosticados pelo médico como sendo portador de algum distúrbio mental.

No início todos concordam com os métodos do Dr. Bacamarte, porém, com o passar do tempo ele se torna obcecado pelo trabalho e começa a enxergar loucura em tudo o que as pessoas fazem, qualquer fato, por mais trivial que fosse poderia ser considerado sinal de loucura pelo Dr. Bacamarte. Como o caso do homem que perdeu toda a sua herança emprestando dinheiro e não cobrava, as moças consideradas namoradeiras etc. Tudo era motivo para internação na Casa Verde.

Leia também: Resenha O Enfermeiro

Toda a cidade começa a ficar descontente com o comportamento do Alienista e procuram se unir para encontrar uma solução. Diante disso, surgiu a Revolução dos Canjicas, liderada pelo barbeiro Porfírio, que toma o controle da cidade. Mas isto ainda não será o fim.

De maneira sarcástica, neste conto, Machado de Assis se utiliza de ironia e doses de humor para criticar à forma como a ciência tratava as pessoas portadoras de problemas mentais no século XIX. Através da figura do Alienista e nos mostra como os detentores da ciência buscavam confirmar as suas teorias, mesmo que para isso tivesse que transgredir as normas vigentes.

É inquestionável a grandiosidade da escrita machadiana. 

Leia os 7 melhores contos de Machado de Assis.

 

Siga o blog nas redes sociais!

Facebook  ❤  Twitter ❤ Google+ ❤ Instagram ❤ Pinterest

Anúncios

6 comentários sobre “Resenha – O Alienista – Machado de Assis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.